O PODER DO REMARKETING PARA AS EMPRESAS NAS PROPAGANDAS VIA INTERNET

Todo o usuário, independente de gênero, raça e idade, que está navegando na Internet, seja conectado por computador, smartphone ou qualquer outro dispositivo, sabe que não está a salvo das propagandas. A Publicidade na Web vem crescendo a cada dia e muitas empresas estão tirando proveito de novas técnicas e novas estratégias para poder mostrar os seus anúncios on-line. Uma das técnicas mais utilizadas atualmente é a de Remarketing que visa mostrar somente propagandas que realmente fazem sentido para aquele usuário em especial. Exemplo: um blazer para quem procurou por roupas sociais ou passagens aéreas para quem está interessado em viajar. Mas essa estratégia, em alguns casos, pode causar uma percepção negativa na mente do usuário. Uma percepção de que ele ou ela, está sendo perseguido(a) na Internet.

A técnica de Remarketing promete entregar um anúncio personalizado para o usuário, que em um determinado momento acessou e efetuou pesquisa em uma loja de comércio on-line, mas não realizou nenhuma compra. Esses anúncios personalizados geralmente estão em espaços de publicidade de sites variados na Internet e que são acessados por este usuário. Funcionam como uma maneira de se aproximar do público interessado, criando simpatia com a marca e familiarização. Se a ferramenta de Remarketing identifica que a compra foi feita, em tese, o anúncio vai parar de aparecer em outros endereços da Web. As empresas que utilizam as técnicas e estratégias de Remarketing apostam na mesma, com a esperança de que aquele potencial cliente (lead) não se esqueça de sua marca e de que adquira o produto ou serviço em um curto espaço de tempo. Alguns dados de interesse do usuário são feitos através da utilização de Cookies. Se trata de arquivos no formato de texto e que indica que aquele usuário já fez o acesso na página anteriormente. Os Cookies nada mais são que dados utilizados para melhorar a experiência on-line. Além de ajudar na segurança, eles detectam logins indevidos e atividade suspeita. São úteis para o Marketing e a Comunicação, pois são dados que revelam o perfil do usuário e podem ser utilizados para testar a eficácia das estratégias e ações publicitárias.

A verdade é que muitos usuários se sentem desconfortáveis com o grande volume de propagandas na Internet nos dias de hoje. Seja em sites específicos e até mesmo nas redes sociais, as grandes empresas investem pesado para manter a visibilidade de seus produtos ou serviços, junto a influência que exercem no público. Existem maneiras de minimizar a quantidade de propagandas e os usuários podem controlar isso através das configurações de seus dispositivos. No caso das empresas, eu acredito que utilizar o Remarketing é um ponto positivo pois visa não perder aquela venda em potencial, que em um primeiro momento ficou morna, esfriou, mas que em um segundo momento pode ser concretizada pelo usuário. Tudo se trata de criatividade na hora de convencer e trazer o contexto da venda no campo de atuação da empresa. Na minha visão, trabalhar o Remarketing com outras técnicas de Inbound Marketing, que se baseiam em ganhar interesse das pessoas em vez de empurrar e forçar uma venda, é a melhor saída para as empresas contornarem a crise e obterem melhores resultados.

Texto escrito por: Felipe Oliveira (Consultor de Comunicação e Marketing – Oliveiras Consultoria & Marketing)

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s