Nunca é tarde para aprender algo novo

imagem-learn

Você já deve ter ouvido ou lido o título deste artigo em algum lugar, certo? Digo isso porque eu já li e ouvi, muitas e muitas vezes. A necessidade que cada ser humano tem de aprender coisas novas é incrível. Algumas pessoas confundem esse sentimento com a ansiedade. Mas me diga, não é bom sentir ansiedade quando se está prestes a aprender algo novo? Seja dirigir um veículo, um novo idioma, aprender um instrumento musical e etc. Nossa vontade de aprender está ligada ao nosso gene e isso fez toda a diferença, inclusive nos tempos das cavernas, quando os primeiros seres humanos que habitavam a terra ainda estavam em fase de adaptação e lutando (literalmente) para sobreviverem. Para que eles tivessem sucesso em suas caças e também na fuga contra animais perigosos, nossos antepassados aprenderam a comunicação, desenvolveram estratégias de ataque juntamente com o trabalho em equipe. E é por isso que aprender também faz parte de nosso convívio social. Quando crianças somos colocados na escola com o simples intuito de aprender e fazer amizades. Já nos primeiros anos de ensino começamos a entender que o aprendizado sempre estará conosco, em todos os momentos de nossa vida. Tanto que, as crianças que mais se destacam, são aquelas que sentem prazer em aprender. Várias pesquisas já confirmaram que crianças desinteressadas, quando se tornam adultas ganham menos dinheiro. O interesse em aprender, não cabe apenas ao professor, e nem aos pais, cabe muito mais ao indivíduo, que ao reconhecer essa poderosa forma de “crescer na vida”, irá tirar proveito do jeito que achar melhor.

Por isso digo que aprender algo novo nunca será tarde, para ninguém, seja criança ou mesmo uma pessoa na terceira idade. Muitas inclusive, dizem a mesma frase: “Não posso… Agora estou com outros problemas… Estou muito velho(a) para isso…” e por aí vai. Algumas das pessoas mais influentes do mundo, só fizeram sucesso depois da meia-idade e idade avançada. Vicent Van Gogh, um dos pintores mais aclamados no mundo, até os 27 anos só desenhava. Samuel L. Jackson, um dos atores mais bem pagos de Holywood começou a ganhar dinheiro com filmes após os 40 anos. O inventor do macarrão instantâneo, Momofuku Ando, considerado uma das maiores invenções japonesas, fez sucesso com seu produto depois dos 60 anos. Todos eles tiveram que aprender e re-aprender, muitas e muitas vezes até atingirem o objetivo estabelecido. É preciso ter ânimo para aprender mais e mais.

Digo por experiência própria que sou um eterno aprendiz. Todos os dias eu aprendo coisas novas. Seja na leitura de bons livros, assistindo bons filmes, conversando e interagindo com as pessoas de minha cidade, com a minha família e etc. Aprender é tudo de bom e traz verdadeiros milagres em nossas vidas. Pode acreditar. Convido você a aprender algo novo a cada dia. Busque assuntos que você mais gosta. Busque a inspiração na natureza e em coisas simples. Nesse mundo em que vivemos com tanta tecnologia e caos, o melhor é poder encontrar novas perspectivas para nossos afazeres, sem que se torne uma rotina monótona e exaustiva. Como disse o célebre Bob Guns: “A performance de hoje é o produto do aprendizado do passado. A performance de amanhã é um produto do aprendizado de hoje.”

Texto escrito por: Felipe Oliveira (Consultor de Comunicação e Marketing – Oliveiras Consultoria & Marketing)

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s