A ECONOMIA CRIATIVA PODE SALVAR O SEU NEGÓCIO

imagem-lamp

Você, com certeza, já deve ter ouvido falar de “Economia Criativa” nestes últimos anos e como ela vem se expandindo em vários países, inclusive no Brasil. De acordo com a Wikipedia, a Economia criativa é o setor da economia formado pelas indústrias criativas (se relacionada à produção e distribuição de bens e serviços que utilizam a criatividade e as habilidades dos indivíduos ou grupos como insumos primários). São ações e atividades nas quais a criação e o capital intelectual resultam em matéria-prima para o insight, produção e distribuição de bens e serviços. Nesta nova tendência de mercado, o processo de criação é tão importante quanto o produto final, ou seja, uma cadeia de produção que foca no conhecimento, sendo capaz de gerar riqueza, empregos e renda.

E o que tudo isso tem em comum com o seu tipo de negócio? Como a Economia Criativa pode servir de instrumento para gerar melhores resultados em sua equipe e na sua empresa? Vamos pegar um exemplo de alguns anos atrás, quando a plataforma UBER foi lançada. A empresa simplesmente reinventou um mercado que estava em uma enorme zona de conforto. Com uma estrutura enxuta, a Uber já possui valor de marca maior que gigantes da indústria. Com nenhum carro em sua frota e pouco mais de 8 milhões de funcionários no mundo inteiro, ela vale mais que a GM. A Uber não veio para substituir o táxi, mas obrigou taxistas a reverem suas condutas e atendimento. Muitos taxistas perderam mercado. E com as mudanças que estão ocorrendo no mundo, quem não se adaptar irá perder espaço.

Apresentar um modelo de negócio mais criativo e alinhado com estas novas mudanças da sociedade é uma saída para que a sua empresa obtenha fôlego e ganhe mais clientes. Atualmente o mercado é muito dinâmico e dependendo do seu foco, você poderá moldá-lo dentro de um novo modelo. Hoje já sabemos que os novos modelos de negócio devem priorizar a interação digital, serem práticos, transparentes, seguros, colaborativos e sem burocracia. Com os avanços da tecnologia, é muito fácil aplicar conceitos inovadores à empresa e alinhá-los com a cultura organizacional da mesma. O que não pode é realmente ficar estacionado no tempo, de braços cruzados, sem realizar nenhuma ação que seja favorável e essencial à saúde da empresa. Comece hoje a usufruir da Economia Criativa e salve o seu negócio. Com criatividade, persistência, motivação e empenho, este novo modelo poderá contornar a tão temida crise e elevar os bons resultados.

Texto escrito por: Felipe Oliveira (Consultor de Comunicação e Marketing – Oliveiras Consultoria & Marketing)

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s